O Ministério de Turismo (MINTUR) desenvolveu uma nova iniciativa que planeja impulsionar o turismo religioso através de um Curso de Gestão do Patrimônio Religioso e Turismo na América Latina e no Caribe, por meio da fusão do turismo de fé e o turismo cultural, enfocando-se principalmente na riqueza arquitetônica e patrimonial que possui o Equador.

 

O Subsecretario de Desenvolvimento Turístico do MINTUR, Christian Mera, informou que se trabalha no fortalecimento do turismo religioso como uma estratégia para atrair turistas internacionais, para o qual é indispensável iniciar pelo melhoramento da qualidade da oferta cultural e litúrgica. A visita ao Equador que realizará o Papa Francisco em junho é uma oportunidade única para que o Equador se apresente perante o mundo como um excelente destino para aqueles que gostam desta classe de turismo.

 

Indicou também que atualmente Quito já conta com o Pasaporte Religioso – Ruta de la Espiritualidad(Passaporte Religioso – Rota da Espiritualidade), produto turístico que foi distribuído em Quito durante a Semana Santa e continha informação sobre as principais igrejas da cidade.

 

O curso vai dirigido a funcionários municipais das áreas de turismo, cultura e planificação; organizações e empresas relacionadas com a gestão do patrimônio religioso; e, estudantes de graduação e pós-graduação de cursos de turismo, humanidades, ciências sociais e afins.

 

Share this post

Submit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn